William Amorim

Uma alegria indescritível: chegar em casa e me deparar com um exemplar autografado, trazido pelos correios , do novo e belíssimo livro da poeta Roseana Murray. Poemas para metrônomo e vento é para ser lido com o corpo todo porque cada poema faz do leitor uma partitura viva, como se a poeta orquestrasse o tempo, o compasso e...

Poemas para metrônomo e vento estabelece, através de um ritmo cadenciado, uma poética sutil do movimento

Por Fernando Andrade Sempre me interessei muito pelos modos de ser da brisa. É porque só a noto em regiões afastadas do civilizado, como matas, sítios, fazendas e florestas, seu principal meio de existência. Talvez pelo silêncio desses locais, possamos estar atentos ao seu loco de existir, que é o breve som de um rumorejar de algum objeto, como o...

O voo além da superfície, em Poemas para metrônomo e vento

Alexandra Vieira de Almeida – Escritora e Doutora em Literatura Comparada (UERJ) No novo livro de poemas de Roseana Murray, Poemas para metrônomo e vento (Penalux, 2018), temos um universo semântico que dá coerência à obra e à proposta do livro que é medir o tempo pelas cordas da poesia. O metrônomo, instrumento que mede o andamento musical, juntamente com...

Krishnamurti Goés dos Anjos

Sabemos que o metrônomo é um instrumento que marca o ritmo das músicas. O seu funcionamento é construído para dar suporte a mensuração da passagem do tempo, permite que a música flua com maior organização e expressividade e assim, tempo e música se misturam metaforicamente a tecer a poética de Roseana que se pergunta sobre essa costura de tênues...

Sobra Silêncio e Cordas (E Book)

Querida Roseana, entrar en tu página es atravesar un mar de belleza infinita, de palabrs que flotan y trazan las escalas de los sueños y hacen posible todo aquello que hemos deseado con el corazón. Qué felicidad tan grande sentir tu voz tan cerca de la tierra. Y tus Variaciones sobre Silencio y Cuerdas dibujan un tiempo feliz de escuchas...

Delírios

Acabei de fazer a leitura do e-book "Delírios", da poeta Roseana Murray. Ler livros nesse suporte é, para mim, algo novo, tão apegado que sou ao objeto de papel, cheio de folhas, nas quais posso fazer minhas anotações com o lápis que sempre me acompanha. Mas confesso que gostei muito da experiência. O primor das ilustrações de Evelyn Klingerman...

Pra Dizer o Indizível

"quanto mais poético, mais verdadeiro" (Novalis, Fragmentos) No mundo moderno, mundo das comunicações, da velocidade da informação, das tecnologias de ponta, há de tudo e em excesso. Cardápios variados de todos os tipos... Isso nos atordoa, nos anestesia.... Se por um lado, temos comunicação, falta-nos, por outo lado, criação. Criação no sentido humanístico do termo. Parece que nos desentendemos com o...

De poeta, filósofo e louco todo mundo tem um pouco

Boa Noite! Gostaria, inicialmente de bem dizer da minha múltipla alegria de estar aqui hoje, nessa cidade que amo tanto e que está amalgamada na minha alma para todo o sempre. Nesta Recife tão pródiga em cultura, tão intelectual e artisticamente inquieta como bem comprovam os intelectuais pernambucanos, o cinema que se produz aqui, os incontáveis escritores, de João...

Felipe Lacerda de Melo Cruz

Dissertação de Mestrado Clique aqui e confira

José Sarney

Abecedário Poético de Frutas O Abecedário Poético de Frutas é uma delícia que se transfere do prazer físico para o espiritual. Cada fruta é ressuscitada em nosso sabor, com cheiro de oriente do damasco, perfume da vergamota que deixa na boca uma saudade, forma de estrela de carambola, gosto escondido da noz, colorido dourado e branco da banana, amarelo doce...

Últimas Publicações

Clube de Leitura da Casa Amarela

Às vezes um livro inacreditavelmente belo, de repente, chega em nossas mãos. O encontro do Clube de Leitura...

E. M. Clotilde de Oliveira Rodrigues

Primeiro encontro do Café, Pão e Texto com a E. M. Clotilde de Oliveira Rodrigues, Escola rural...

E-book – Raízes – Roseana Murray e Silène Sarah S. Bohadana

Baixe gratuitamente o PDF agora

Clube de Leitura da Casa Amarela

Como dar conta de um livro tão belo, tão monumental, como "Com a Vida pela Frente", de...

Metamorfoses, Rio de Janeiro, vol. 17, número 1 – Rafael Santana

Metamorfoses Rio de Janeiro vol. 17 número 1 Rafael Santana Clique aqui para abrir o PDF