Clube de Leitura da Casa Amarela

0
544

photo-2019-05-19-09-27-17

Choveu tanto ontem, no dia 18, e algumas pessoas escreveram de manhã dizendo que não poderiam vir.

Mas afinal a sala estava cheia e novos habitantes chegaram.

Paula Gomes veio especialmente de Brasília e Delma Marcelo Dos Santos trouxe uma amiga, Maristela.

Temos agora algumas professoras e duas psicanalistas, além de advogados, contadores, um médico, um ator e músico, um cineasta, um jornalista, etc.

O livro Sapiens abre um leque imenso de discussões sobre nosso percurso, nosso poder de criação e destruição.

Discutimos o livro a partir do que cada um de nós sentiu, o que significou como revisão de valores e tomada de consciência.

E sim, a conversa foi maravilhosa . Falamos muito de todos os temas e questões que o livro levanta.

E afinal, há saída para nosso impasse?

Achamos que há.

A saída existe. Se nós, humanos seremos capazes de salvar nossas vidas é outra conversa. E de criarmos sistemas menos injustos.

Mas o final do encontro foi luminoso.

Todos achamos que construir no pequeno é a nossa salvação. Cada um no seu mundo, vai abrindo espaços . Criar consciência é o caminho.

E tivemos histórias de vida muito emocionantes.

E a poesia belíssima do Mia Couto foi a chave de ouro para fechar nosso encontro antes de passarmos para a varanda onde Fernando e Helio quiseram nos presentear com um banquete. Eram tantos pratos maravilhosos que eles trouxeram, que não sabíamos por onde começar! E os vinhos e o bolo dos aniversariantes, tudo isso ganhamos de presente.

O próximo encontro será no dia 20 de julho no frio de Visconde de Mauá. O livro é Paz e Terra de Yehuda Amichai.

Compartilhar

Deixe uma resposta