Meu poema em Libras. Nas mãos de um poeta. Guilherme Aniceto.

0
987

“A alma é invisível,
um anjo é invisível,
o vento é invisível,
o pensamento é invisível.
E, no entanto,
com delicadeza,
pode-se enxergar a alma,
pode-se adivinhar um anjo,
pode-se sentir o vento,
pode-se mudar o mundo
com alguns pensamentos.”

Compartilhar

Deixe uma resposta