EJA da E.M. Terezinha de Jesus Pereira

1418

cafe24Hoje meu corpo era pequeno para aguentar tanta emoção.

Desde o minuto em que o ônibus que trouxe a turma de EJA da E.M. Terezinha de Jesus Pereira, vindo de Itaboraí, encostou na minha porta e a alegria das pessoas e seu maravilhamento com o mar me tiraram do chão, até a hora da despedida, quando fui abraçada e abençoada por cada um.
Ao chegar foram todos para o jardim onde Samuel , meu caseiro, mostrou as plantas e contou muitas histórias.

Voltaram para o café. A mesa era farta, pois além do que preparei, muitas trouxeram bolos e até um empadão.

Depois do café, veio o texto com as brincadeiras poéticas.

Todos de pé ( e era muita gente), eu subi numa cadeira me fazendo de espelho . E enquanto eu lia o.poema Receita de se Olhar no Espelho, todos tinham que se arrumar. O último verso termina com a pergunta: ” Quem é você? ” E todos gritaram seus nomes bem alto, para o Universo ouvir.
Fizemos uma Orquestra Noturna, do livro Caixinha de Música, brincamos de ditados populares, com meu livro ” Quem Vê Cara Não Vê Coração, e apareceram ditados incriveis! Rememoramos brincadeiras da infância, com o livro Brinquedos e Brincadeiras, e de poema em poema a ampulheta foi se esvaziando.

Uma aluna me perguntou:
— Por que você é tão alegre?

E eu respondi:
– Porque dá menos trabalho que ser triste.

Essa turma de EJA é para alunos de 50 anos para cima. E a Escola oferece aulas de música e artesanato.

Ganhei lindos panos de prato bordados.

Deixaram a minha alma bordada.

Compartilhar